Rosti de batata

Uma forma alternativa de preparar um acompanhamento em que a base é a batata e fugir às habituais batatas fritas, assadas ou cozidas.
Faz-se na frigideira e fica com o aspecto de uma panqueca gigante. Vai bem com carnes e peixes, e fica excelente acompanhado de uma salada. Foi a primeira vez que fiz e adorei o resultado. Vai tornar-se um habitué cá por casa. Esta receita de rosti é bastante parca em ingredientes e, além de não levar manteiga (leva azeite), só leva um pouco de queijo a polvilhar.
Roubei a receita do blog Mãe, posso lanchar?, que tem verdadeiras delícias. Aliás, já não é a primeira receita da Sónia que eu experimento e até ao momento, têm sido todas um sucesso. Tem fotografias passo-a-passo que são bem úteis, principalmente nas receitas mais elaboradas ajudam imenso.
É bem fácil de preparar e não leva muito mais tempo do que fritar umas batatas! Experimentem :)
Rosti de batata

Rosti de batata


Ingredientes (para 3 pessoas)
600 g de batatas
1 cebola
2 colheres de sopa de azeite
3 fatias finas de bacon
Queijo ralado
sal
pimenta

Preparação
Descascar e ralar ou picar finamente a cebola e reservar. Descascar e ralar as batatas (ver dicas) e misturar o bacon cortado em tiras bem finas. 
Numa frigideira, de preferência antiaderente, colocar as 2 colheres de azeite e adicionar a cebola. Levar ao lume até começar a amaciar.
Assim que a cebola fique transparente, adicionar e mistura de batatas com bacon. Temperar com sal e pimenta e envolver bem com o azeite e a cebola.
Com as costas da colher de pau, ir espalmando a batata até ficar compacta e com a superfície lisa. Deixar cozinhar por cerca de 10 a 12 minutos.
Recorrendo a um prato, depois de soltar as extremidades com uma espátula, virar o rosti do outro lado e deixar cozinhar novamente cerca de 10 a 12 minutos.
Colocar no prato de servir e polvilhar com um pouco de queijo ralado e voilá :) Fica crocante por fora e macio por dentro. Uma verdadeira delícia.

Dicas
Ralei as batatas com um ralador comum de cozinha, utilizando a face mais larga. Quem tiver um robot de cozinha, fica com a tarefa facilitada. De qualquer forma, foram poucos os minutos que gastei na tarefa.
Preparei este rosti numa placa eléctrica (prefiro cozinhar a gás). Mantive a temperatura no 6 de início ao fim. Se o fizesse num fogão a gás, iria manter em lume brando.
Como tinha apenas queijo fatiado, cortei uma fatia em pedacinhos pequenos e fez bem o seu lugar.
Utilizei sal refinado e mistura de 3 pimentas moída no momento.

Receita que retirei do excelente blog Mãe, posso lanchar?

Download da receita em PDF



Comentários

  1. ficou com muito bom aspecto ! beijinhos e obrigada pela referência :)

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Obrigada pela visita!