Leitão à laia da Bairrada

Que me perdoem por usar o termo "Bairrada" para o meu leitão. Não pretendo com isto denegrir a boa fama desta delícia regional, por essa razão, acrescentei o "à laia" no nome!
Este não é feito em forno a lenha, nem o leitão é inteiro, nem fui eu quem matou o bicho, mas quem provou não torceu o nariz, muito pelo contrário... a minha mana disse que podia morrer a seguir a esta refeição, pois morreria satisfeitíssima :)
Foi a estrela do almoço de Páscoa, não que seja propriamente o prato típico deste dia, mas porque era o que nos apetecia!

Ingredientes (para 8 pessoas)
1/2 leitão com cerca de 3,5 kg (este tinha 3,8 kg)
200 g de banha de porco (para temperar e fazer o molho)
1 cabeça de alho
3 colheres de sopa de sal (rasas)
2 colheres de sopa de pimenta preta
2 colheres de sopa de azeite
2 folhas de louro (ou uma colher de chá de louro em pó)
Um pouco de salsa
vinho branco qb
Vai dar jeito
Processador ou almofariz
Pincel

Preparação
No dia anterior (ou no próprio dia de manhã, se for para fazer ao jantar), lavar bem o bicho e secá-lo com papel absorvente. 
Num almofariz ou num processador (usei processador), juntar os alhos, sal, pimenta, salsa e o louro (se for em pó). Esmagar no almofariz ou reduzir a papa no processador.
Adicionar a pasta resultante à banha e misturar bem. Por fim, adicionar a colher de azeite e mexer. Se optou pelas folhas de louro, juntar as folhas a esta pasta, cortadas em pedacinhos pequenos.
Barrar o interior e exterior do animal com metade desta pasta (reservar a restante) e guardá-lo no frigorífico (com o interior voltado para fora) até ao dia seguinte. Sempre que consigo arranjar espaço no frigorífico, opto por o colocar já no tabuleiro em que vai a assar.
No dia do banquete, ligar o forno a 220 graus e colocar o leitão no tabuleiro com o interior voltado para cima no forno. Levar a assar por cerca de 1,5 a 2 horas (dependendo do forno, pode levar mais tempo). A meio do tempo, voltar a pele para cima.
Depois de virado com a pele para cima, de vez em quando, constipar o leitão: molhar umas hastes de salsa em vinho branco e passar em cima da pele ou, em alternativa, molhar um guardanapo em vinho branco e passar e cima da pele.
Quando estiver quase pronto, colocar num tachinho a metade da pasta que se tinha reservado, adicionar 2 colheres de sopa de vinho branco e leva ao lume, deixando ferver cerca de 2 a 3 minutos.
Quando a pele estiver bem dourada e estaladiça (dá para sentir tocando na pele), retirar o leitão do forno, cortar, cortar em pedaços e pincelar com o molho (ainda morno, para que esteja minimamente líquido). 
Acompanhar com batatas fritas, uma saladinha e um vinho da zona da Bairrada!

Dicas
Se optar por levar molho adicional para a mesa, deve aquecê-lo antes, pois tendo em conta os ingredientes que leva, acabará por solidificar assim que arrefeça totalmente.
Depois de assar o leitão, se existir molho no fundo do tabuleiro, deve aproveitar-se para juntar ao molho de ir à mesa.

Download da receita em PDF

Comentários